Skip to content
Entre Crie sua conta

Diga sim para conquistar seus objetivos
Dicas sobre como organizar seu dinheiro, sair do vermelho, fazer seu dinheiro render e entender o mercado.

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para crescer como empreendedor
Conteúdos práticos sobre como organizar as finanças do seu negócio, começar a empreender, administrar seu negócio e vender mais

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para expandir sua empresa
Conhecimento sobre como impulsionar suas vendas, gerenciar e expandir sua empresa e insights de mercado

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para tecnologia descomplicada
Conteúdos sobre conta grátis, crédito, venda online e física, Pix e tutoriais Mercado Pago

Acesse

Conheça a biblioteca

7 dicas para uma boa gestão de e-commerce

Um bom gerenciamento pode ser a chave para o sucesso das suas vendas online. Veja práticas essenciais para crescer seu negócio!
Gestão de e-commerce - como gerir o e-commerce - coordenação de e-commerce

O e-commerce cada vez mais se consolida como uma ótima opção para empreendedores de todos os segmentos, principalmente por ser uma oportunidade de alcançar um número ainda maior de usuários com seus produtos e serviços. Não é à toa que os números do comércio eletrônico crescem ano após ano, com mais pessoas comprando e vendendo online e movimentando cifras cada vez maiores.

Apesar de importantíssimo, já não basta ter bons produtos para que sua loja virtual seja um sucesso. Assim como nas vendas físicas, quem está começando uma empresa precisa ter um ponto essencial em mente: a gestão. Ela pode ser o diferencial entre um e-commerce que consegue decolar e alcançar o sucesso e outro que acaba precisando “fechar as portas” em menos de dois anos. Aliás, é justamente isso que acaba acontecendo com uma a cada quatro empresas só no estado de São Paulo, segundo o Sebrae.

 

A importância de uma boa gestão da loja online


Dados como esses mostram o quanto ter uma visão clara e completa do negócio é um fator decisivo. Afinal, é só conhecendo de perto as movimentações financeiras, como anda a experiência do comprador, o que pode estar atrapalhando os ganhos, entre outras informações, que sabemos exatamente como proceder, o que mudar, o que manter e o que desenvolver. 

Quando o assunto é manter um e-commerce, a gestão envolve diversas áreas que precisam de atenção especial: financeira, comercial, de estoque, de marketing, logística e de tecnologia. Afinal, não adianta arrasar na divulgação do seu produto, se a logística não consegue entregar, certo?! Por isso, um empreendedor precisa ser também um bom gestor e ter uma leitura completa de como anda o desempenho do seu negócio para as tomadas de decisão.

 

Como fazer uma boa gestão no seu e-commerce?


Elencamos a seguir algumas dicas que podem te ajudar a fazer uma gestão muito melhor do seu e-commerce, o que vai impactar positivamente um número muito importante: suas vendas. Confira: 

1. Planeje-se


O primeiro passo é criar um plano de negócios.
Isso envolve desde a estratégia à operação da sua loja. Um plano de negócios deve conter, entre outros elementos, informações como: público, concorrência, custos, investimento necessário, tempo de implantação, canais de venda, retorno sobre o investimento e estratégias de diferenciação e comunicação.

Se você acha que isso é perda de tempo e já quer partir para ação, fique atento! As pesquisas do Sebrae indicam que a falta de planejamento é uma das razões principais pelas quais algumas lojas virtuais não dão certo no Brasil. Ou seja, traçando esse plano você sairá na frente e estará um passo mais próximo do sucesso do seu e-commerce. 

 

2. Escolha bons parceiros e ferramentas


Este é outro ponto de atenção importantíssimo, que abrange desde a própria plataforma utilizada para desenvolvimento da loja virtual até o checkout e a taxa de conversão. 

Se você não tem muita necessidade de customização, por exemplo, não é necessário investir de início em desenvolver tudo do zero. Nesse caso, optar por uma plataforma que já ofereça a estrutura pré-pronta pode poupar tempo e investimentos. Além de funcionalidades básicas, como opção para cálculo de frete e de prazo de entrega, verifique se a solução permite integração a outros programas. Alguns dos mais importantes são os sistemas gerenciais, aplicativos de chat para atendimento e uma integração com seu ERP, caso tenha também lojas físicas. 

Outro parceiro muito importante para os sites de vendas é aquele responsável por gerenciar os pagamentos. Ele pode impactar diretamente no desempenho da sua taxa de conversão. Por isso, procure uma alternativa que aceite diversas opções de pagamento, seja segura e tenha taxas atrativas para o seu negócio. 

 

3. Organize seu estoque


Uma boa administração de estoque começa pela organização, mas envolve também fatores como localização, fornecedores e capital de giro. Afinal, é fundamental para a lucratividade do seu e-commerce conseguir fornecer aquilo que os clientes procuram sem ficar com itens encalhados.

Principalmente se você também vende em outros canais, deve considerar a importância da integração do estoque físico ao e-commerce. Assim, você evita dores de cabeça como, por exemplo, vender um mesmo item em dois canais e deixar um cliente insatisfeito. 

 

4. Invista nos seus canais de venda 


Já ouviu falar que o empreendedor não deve “colocar todos os ovos numa cesta só”? Pois bem, essa lógica se aplica também aos canais de venda. Quem quer expandir suas atividades, deve pensar em ter seus produtos à disposição em diversas plataformas, a fim de conseguir atingir um maior número de possíveis compradores. Isso significa que não basta ter uma loja virtual. Outras alternativas devem estar presentes na sua estratégia de vendas, como os marketplaces, pontos físicos e também o social selling (vendas por meio de redes sociais). Só para se ter uma ideia, as mídias sociais são o segundo principal canal utilizado para vendas online. O Whatsapp pode ser uma ferramenta e tanto nesse sentido.

 

5. Invista em marketing


Para vender, é necessário expor o produto, não apenas esperar que os clientes acessem sua página por acaso. Para isso, os investimentos em marketing são fundamentais. Tenha em mente um calendário de atividades para promover a sua empresa online. As opções para o marketing digital são muitas: vão desde a criação de conteúdo atrativo, publicidade paga, ações com influenciadores, parcerias, conteúdo otimizado para SEO. O importante aqui é estudar seu mercado, testar diferentes abordagens e aprimorar a estratégia. 

 

6. Priorize a segurança


Não existe venda sem confiança. O consumidor precisa sentir segurança para colocar seus dados na plataforma e realizar a compra. Para evitar essa resistência, você pode adotar alguns procedimentos que tranquilizam os visitantes da sua loja. Algumas ações fundamentais nesse sentido são, por exemplo, inserir links para os perfis da empresa nas redes sociais, incluir informações importantes, como razão social, endereço e CNPJ, e disponibilizar meios para contato.

Selos como o Site Blindado e o Ebit também são bem-vindos e ajudam a demonstrar a segurança e a qualidade da sua loja virtual. Considere também a segurança para a própria empresa, evitando fraudes. Além de analisar transações, verifique se o seu parceiro de pagamentos oferece proteção contra chargebacks e tem o certificado PCI Compliance atualizado.

 

7. Tenha relatórios das suas transações


Os dados do e-commerce são ferramentas poderosas para analisar o funcionamento e gerar insights para as empresas. Assim, não há dúvidas de que a gestão financeira também é vital para o sucesso das lojas online. Com esse controle, é mais fácil gerenciar as movimentações e ter um maior controle de gastos e dos lucros. Tomar decisões em qualquer negócio é um grande desafio, mas isso pode ser feito de forma mais assertiva com fundamento e análise de dados. Por isso, contar com relatórios das transações que permitam essas tomadas de decisões pode fazer toda a diferença na gestão da sua loja virtual. 

Já ouviu falar em Live Commerce? Leia mais aqui 

 

Use a gestão estratégica para potencializar seu negócio


O e-commerce é uma ótima oportunidade para quem quer crescer e desenvolver seu negócio. Com uma boa gestão, ele oferece oportunidades incríveis e te ajuda a tomar as decisões certas para continuar obtendo resultados cada vez mais satisfatórios.

 

Manual de Vendas Online com Mercado Pago


Escrito por:

assinatura_equipe

Artigos relacionados